FORÇA,  LUZ  E  MASSA

Rodolfo Domenico Pizzinga

 

 

 

Música de fundo: I Get a Kick Out of You
(Cole Porter)
Fonte:
http://hermes.mfn.unipmn.it/%7Efantom/Midi/jazz2.htm

 

FORÇA ‹—› Energia ‹—› Massa.

TREVAS ‹—› Luz ‹—› Existência.

Tudo se move. Mas a FORÇA não lassa

E não muda sua ESSÊNCIA.

 

 

Movimento-Repouso: um Movimento.

Múltiplos movimentos: um Movimento.

Acelerações-desacelerações: um Movimento.

Vida-morte-vida: um Movimento.

 

 

UNIDADE ‹—› Multiplicidade.

Multiplicidade ‹—› UNIDADE.

Tudo é múltiplo; tudo é UM.

 

 

Pelo BEM, o mal é transmutado.

Pelo mal, o BEM é testado.

Tudo é múltiplo; tudo é UM.

 

 

 

E por falar em ilusão, será isto possível? Aguarde porque são sete maluquices. (Não posso citar a fonte das maluquices porque essas maluquices eu recebi em um e-mail de um maluco que gosta de maluquices. Como eu.). Engraçado! Até nas maluquices as Leis Universais estão embutidas. O artista que bolou esses trecos aí embaixo, provavelmente sem saber, aplicou uma Lei Cósmica em perpétuo andamento. Só que não é lá muito bem assim! Então que ninguém pense que existam estados híbridos programados. Os hibridismos, quando acontecem, são produtos de descaminhos ou de desmandos, conscientes ou inconscientes. Esse é um dos motivos da necessidade irredutível de ajustes periódicos em todos os sistemas universais. Não fossem esses benditos ajustes, o(s) Universo(s) acabaria(m) tendendo para um desequilíbrio fatal e irremediável.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Como conclusão, observe a animação abaixo – produzida a partir de um Website da NASA e citado abaixo – e responda, a seguir, com o seu coração, à pergunta formulada.

 

 

 

Pergunta: O que pode(rá) justificar o egoísmo?

 

____________

 

 

Websites Consultados